Missões

Através da realização dos Projetos de Curta Duração (2 semanas a 2 meses) em Portugal, Moçambique e São Tomé e Príncipe, a Associação Equipa d’África tem como principais objetivos:
• Identificar as principais necessidades das populações locais para posteriormente poder intervir de forma mais assertiva;
• Apoiar os projetos desenvolvidos pelas entidades locais no terreno;
• Diminuir a iliteracia, sobretudo em países em vias de desenvolvimento;
• Formar e capacitar as populações locais com conhecimentos e instrumentos em diferentes áreas: saúde, educação, ambiente etc.;
• Promover um diálogo intercultural;
• Melhorar as infraestruturas dos locais de projeto, com o intuito de facilitar a aprendizagem da população e as suas condições de trabalho.

PORTUGAL

Os nossos projetos de voluntariado missionário em Portugal, aconteceram pela primeira vez na Madeira, em 1999, onde regressámos em 2000. Após um interregno de oito anos, voltámos em 2008 a abrir missão no nosso país. Desde então, todos os anos temos realizado missões em diversos locais de Portugal, incluindo nos Açores. As missões em Portugal acontecem em períodos que podem ir de duas semanas a um mês, tempo durante o qual colaboramos maioritariamente com instituições parceiras no apoio aos seus serviços, em lares e centros de dia. Planeamos e desenvolvemos atividades de animação aos utentes, com dinâmicas que estimulem a memória, as capacidades cognitivas e físicas. Auxiliamos os funcionários nas suas tarefas diárias, tais como a distribuição e apoio nas refeições e limpeza de espaços. Com as crianças e jovens, promovemos jogos e dinâmicas de grupo, de forma a consciencializar para o seu impacto social e identificar como podem ser agentes para a mudança dentro das suas comunidades.

Moçambique, São Tomé e Principe

As missões da Associação Equipa d’África em Moçambique tiveram início em Maputo, em 1998, ano de fundação da Equipa d’África, e duram até ao presente. Partimos para São Tomé e Príncipe em 2014 e 2016. Focamo-nos no apoio às atividades de missões católicas já presentes no terreno há largos anos, e que nos acolhem durante períodos que podem ir de um mês e meio a dois meses. Durante este tempo, o objetivo é aumentar a capacidade de intervenção das equipas missionárias e, com a sua ajuda e conhecimento da comunidade, desenvolver atividades e formações em áreas mais específicas. A nível da educação, as atividades desenvolvidas pelos voluntários incluem explicações, apoio nas escolinhas, apoio ao estudo, cursos de teatro e música. Quanto à pastoral, incluem-se o acompanhamento de visitas a comunidades mais longínquas, a participação nas atividades da paróquia, a animação de crianças e jovens. Outras atividades desenvolvidas são, por exemplo, o restauro de infraestruturas. Dada a crescente preocupação com a sustentabilidade das missões, a Equipa d’África tem procurado contribuir para a capacitação da população, investindo na sua formação.